sábado, 18 de abril de 2015

QUE COMECEM OS JOGOS!

(Créditos: NBA)

E chegou! Finalmente, para a alegria dos fãs, os PLAYOFFS da NBA chegaram. Terminou na noite de quarta, 15/04, a temporada regular da liga, que foi um tanto quanto surpreendente, devido a uma série de fatores. Entre eles: o voo alto de Atlanta Hawks e do Toronto Raptors, não acostumados a frequentar tão altas posições nos últimos anos.

Outra surpresa foram alguns times que conseguiram vaga na postseason aos trancos e barrancos, e que não eram esperados nos playoffs, como o Brooklyn Nets, o Boston Celtics e o New Orleans Pelicans.

E isso só foi possível, graças a algumas eliminações precoces, como a do Miami Heat (atual vice-campeão), do Oklahoma City Thunder (do último MVP) e do Indiana Pacers (prejudicado pela lesão de Paul George ainda na preparação americana para o Mundial).

Aliás, outra coisa que também marcou essa temporada regular, foi o grande número lesões sofridas, tirando jogadores importantes para suas equipes, de cerca de pelo menos 25% dos jogos. Esses foram os casos de Dwyane Wade, no Heat (ausente em 24,4% das partidas), Kobe Bryant, no Lakers (57,3%), Kevin Durant, no Thunder (67%) e Paul George, no Pacers (92,6%).

Bom, tudo isso é passado agora. Os playoffs chegam prometendo e muito. O 'Oeste Selvagem' como vem sendo chamada a Conferência do lado do Pacífico, já começa pegada desde a 1ª rodada, com confrontos que envolvem, por exemplo, o San Antonio Spurs (atual campeão) e o Los Angeles Clippers, dois times considerados candidatos ao título. Já a temporada regular do lado Leste não empolgou tanto. Apenas 5 times terminaram com mais vitórias do que derrotas. A exceção foi o Atlanta Hawks, que tomou a Conferência de assalto, com um basquete jogado que envolve toda a equipe, por isso, ganhou o apelido de "Spurs do Leste".

E para que VOCÊ fique por dentro de tudo o que vai rolar na fase final do melhor basquete do mundo, nós do DE PR1MEIRA, fizemos uma análise de cada confronto:

Conferência Leste


Brooklyn Nets (8º) @ (1º) Atlanta Hawks

Em uma temporada fantástica, o Hawks mostrou que finalmente pode ser considerado um contender ao título. A equipe conseguiu 60 vitórias na temporada regular, mas não teve um bom aproveitamento quando enfrentou Golden State Warriors e San Antonio Spurs, os dois times mais fortes do Oeste. O destaque do time é o jogo coletivo, que lembra o próprio Spurs em alguns momentos, sempre encontrando Kyle Korver e Demarre Carroll livres para três pontos. Já o Nets é um time bem mais fraco, que passou sufoco para se classificar e que não deve dar trabalho nenhum, apesar de contar com jogadores experientes. O Hawks só precisa manter seu jogo coletivo e a ótima marcação individual. Isso deverá ser suficiente para avançar sem problemas. Já o Nets vai precisar e muito que Joe Johnson e Deron Williams estejam inspirados (e eu ganhe na mega-sena).

Confrontos em 2014-2015
ATL 95@78 BKN
BKN 102@113 ATL
BKN 99@131 ATL
ATL 114@111 BKN




Boston Celtics (7º) @ (2º) Cleveland Cavaliers

Primeiramente, gostaria de dizer que é inegável minha surpresa ao escrever a prévia do Boston Celtics nos playoffs. Em uma temporada em que todos esperavam pelo TANK (a arte de perder jogos para conseguir uma escolha alta no draft), o GM Danny Ainge mitou e reconstruiu o time durante a temporada. A movimentação mais importante foi a troca do armador Rajon Rondo, então craque do time. Chegaram peças importantes como Jae Crowder e Isiah Thomas, fundamentais para a arrancada rumo aos playoffs. Do outro lado temos o Cavs, um dos favoritos ao título. Após um início cambaleante, o time de Lebron James e Kyrie Irving se recuperou e aparece como o time mais forte da Conferência Leste, principalmente após a troca que levou Timofey Mozgov a Cleveland. O Cavs só precisa jogar o seu basquete. Só isso já será suficiente para eliminar o Celtics, que é bem inferior tecnicamente. Para o Celtics, só rezando para que os monstros do Space Jam roubem o talento do Cavs.

Confrontos em 2014-2015
CLE 122@121 BOS
BOS 79@110 CLE
BOS 99@90 CLE
CLE 78@117 BOS


Milwaukee Bucks (6º) @ (3º) Chicago Bulls

O Chicago Bulls é favorito para o confronto, afinal, foi o 3º colocado, possui um grande elenco, cheio de jogadores com bagagem de playoffs nas costas. Ao contrário de seu adversário, o Bucks é um time repleto de jovens, com muita energia, disposição e bom basquetebol pra mostrar. Liderados pelo também jovem técnico, Jason Kidd, esse time do Bucks é uma incógnita. Pode muito bem sucumbir, sentir a pressão dos playoffs e ser varrido, o que seria normal, dada a disparidade de experiência entre as equipes. Mas se me perguntassem hoje, se eu acredito que algum time pode surpreender nessa rodada, esse time seria o Milwaukee. Ainda assim, Chicago continua favorito a série, e seria também ao título, se Derrick Rose tivesse suas formas física e técnica plenas. Aliás, Bulls pode não ter Rose, Noah, Hinrich e Gibson no jogo 1. A equipe de Wisconsin pode aproveitar isso para roubar uma partida no United Center.

Confrontos de 2014-2015
CHI 95@86 MIL
MIL 87@95 CHI
MIL 71@87 CHI
CHI 91@95 MIL


Washington Wizards (5º) @ (4º) Toronto Raptors

Uma das grandes sensações da temporada, o Toronto Raptors tenta coroar o trabalho do ano com uma passagem para as Semifinais de Conferência. Seria um feito e tanto para a franquia, se considerarmos seu passado recente. O Washington Wizards aposta muito no talento do armador John Wall, que terminou a temporada com incríveis médias de 17.6 pts, 10.0 ast e 1.7 stl, para seguir em frente. Ambos possuem muitos jogadores jovens em seus elencos, o que pode indicar uma série um pouco imprevisível, pois a falta de experiência em playoffs pode pesar em muitos momentos e trazer uma boa carga de emoção para as partidas. Um dos atrativos da série é que as equipes têm força equivalente, o que trará bastante equilíbrio para a disputa. Não há favorito. Outro atrativo são os brasileiros. Do lado americano, o experiente Nenê, titular do time da capital. Do lado canadense, os novatos Bruno Caboclo e Lucas Bebê, que infelizmente não devem ter muitas chances durante os playoffs.

Confrontos em 2014-2015
WAS 84@103 TOR
TOR 120@116 WAS (OT)
WAS 93@95 TOR 

Conferência Oeste


New Orleans Pelicans (8º) @ (1º) Golden State Warriors

É a luta de David contra Golias. De um lado, a Marina Ruy Barbosa da NBA, o Golden State Warriors. Só não sei que atriz seria o New Orleans Pelicans. No entanto é uma bem feinha, que vai ganhando força ao longo da trama e se torna destaque na reta final. Se o Warriors é hoje o melhor time da NBA, o Pelicans por sua vez entrou no sufoco e tenta provar que tem condições de dar algum trabalho. O abismo entre os dois elencos é brutal, embora os dois contenham um candidato a MVP entre eles. Curry pode maltratar nesta série com suas bolas de três, mas Anthony Davis, nosso querido Monocelha, promete dar muito trabalho no garrafão. Para o Warriors, basta mover a bola e encontrar Stephen Curry e Klay Thompson livres para três pontos. Daí é Splash. E o Pelicans, que Eric Gordon, Tyreke Evans e Jrue Holiday consigam anular Stephen Curry e Klay Thompson (risos). Falar do Monocelha é cair no comum, mas ele será fundamental para qualquer pretensão do Pelicans na série.

Confrontos em 2014-2015
NOP 85@112 GSW
GSW 128@122 NOP (OT)
NOP 96@112 GSW
GSW 100@103 NOP



Dallas Mavericks (7º) @ (2º) Houston Rockets

Este confronto acontecer ainda na 1ª rodada dos playoffs é uma das justificativas do apelido da Conferência Oeste. O Mavs, que foi considerado por muitos, após a aquisição do armador Rajon Rondo, como a melhor formação titular da liga, decepcionou um pouco no final da temporada, por isso classificou-se apenas em 7º, mas continua sendo uma fortíssima equipe, que não pode ser desprezada nesta série. O time liderado por Dirk Nowitzki, tem ainda plenas condições de bater o seu rival, pois assim como ao alemão, não falta experiência de playoffs a caras como Tyson Chandler, Monta Ellis e Rajon Rondo. O lado vermelho do clássico texano, no entanto, chega com a moral muito mais elevada. Dwight Howard voltou de lesão nas últimas partidas da regular e James Harden é um dos dois favoritos a vencer o prêmio de MVP da temporada. Ninguém parece capaz de parar o "Barba do Capeta". Dallas tem capacidade para equiparar o confronto. Talvez a solução para isso seja, Dirk entrar no "Modo Deus", como nas finais de 2011, mas o cenário atual é muito mais favorável a Houston, que é o favorito para levar a série. Além da série, é um dos sérios candidatos ao título.

Confrontos em 2014-2015
DAL 92@95 HOU
DAL 94@99 HOU
HOU 100@111 DAL
HOU 108@101 DAL
San Antonio Spurs (6º) @ (3º) Los Angeles Clippers

Considerada a melhor série da primeira fase dos playoffs, temos aqui um leve favoritismo para os atuais campeões. Vivendo seu melhor momento na temporada, o Spurs venceu 21 dos últimos 25 jogos (e mesmo assim terminou em sexto na Conferência. O Oeste é mortal, amigos). Já o Clippers também vive bom momento, e promete ser páreo duro para os atuais campeões. Essa série tem alguns matchups muito interessantes. Será que o Chris Paul vai dessa vez? Spurs tem que continuar com o seu rendimento atual. Movendo a bola como sabe, o Spurs sempre encontrará alguém livre na linha dos 3 pontos. O Clippers não é um time que defenda bem (é o quinto time que mais permite arremessos na liga), e Danny Green pode ser fator chave na série. Outra coisa fundamental é a presença de Tiago Splitter em cima de Blake Griffin. O Clippers precisa forçar o jogo no garrafão, aproveitando o atleticismo de Blake Griffin e DeAndre Jordan. Essa é a chave para dar trabalho ao San Antonio Spurs.

Confrontos em 2014-2015
SAS 89@85 LAC
LAC 118@125 SAS
LAC 105@85 SAS
SAS 115@119 LAC



Memphis Grizzlies (5º) @ (4º) Portland Trail Blazers

O Portland, que só se classificou em 4º por ter vencido sua divisão, mas que fez campanha inferior ao próprio Memphis (5º) e ao San Antonio Spurs (6º), chega nessa série em uma situação preocupante. Parece que a maldição das lesões voltou a assombrar o Blazers, que entra nos playoffs com uma lista extensa de lesionados. Além de Dorell Wright e Wesley Matthews que já são ausências garantidas, Arron Afflalo, LaMarcus Aldridge, Chris Kaman, Nicolas Batum e C.J. McCollum são dúvidas para o jogo 1. Além disso, vem de 4 derrotas seguidas. Apesar de chegar com algumas dúvidas também, como Tony Allen, Mike Conley e Zach Randolph, o Memphis Grizzlies se encontra em uma fase melhor na competição e por isso, apesar de o fator mando de quadra estar do lado de lá, é o favorito para o confronto. É uma equipe sólida, que vai ser parada dura de enfrentar nesse playoffs para qualquer um, principalmente pela fase espetacular que vive o pivô espanhol Marc Gasol.

Confrontos de 2014-2015
MEM 99@112 POR
POR 98@102 MEM
MEM 98@92 POR
POR 86@97 MEM

Apostas da equipe: 

Mayron Brito - Hawks em 5, Cavs em 6, Bucks em 7, Wizards em 7. Warriors em 6, Rockets em 5, Spurs em 6, Grizzlies em 5.

Vinícius Oliveira - Hawks em 4, Cavs em 4, Bulls em 6, Wizards em 7. Warriors em 5, Mavs em 6, Spurs em 6 e Grizzlies em 5.

Texto por Mayron Brito e Vinícius Oliveira